segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Aeroporto Leite Lopes vai ganhar ‘puxadinho’ - Jornal A cidade.


Segundo Geraldo Alckmin, estratégia permite manter local dentro da faixa da curva de ruído e da zona de segurança


Para consolidar a internacionalização do aeroporto Leite Lopes, de Ribeirão Preto, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) decidiu autorizar um "puxadinho" de 600 metros na pista de pouso e decolagem.
A obra foi confirmada neste domingo (16) pelo tucano em visita a Barretos, onde entregou uma unidade do AME (Ambulatório Médico de Especialidades), e a Orlânida, onde assinou autorização para obras de saneamento básico.
"Achamos a solução para respeitar a decisão judicial, a de prolongar a pista em 300 metros de um lado e 300 metros do outro", diz.
Pela estratégia definida, a pista se mantém dentro da faixa da curva de ruído e da zona de segurança. "Assim, podem descer aviões maiores e se consolida o aeroporto internacional em Ribeirão."
Sobre os prazos para o início das obras de ampliação da pista, Alckmin afirma que "tudo está bem encaminhado e agora é rápido, desde que a autorização judicial saia rápido".
A pista do Leite Lopes tem 2,1 mil metros. A secretaria dos Transportes deve concluir até o fim do mês os estudos sobre o laudo da curva de ruído encomendado ao IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas).
Entre outras melhorias, o governador anunciou que entrega até o fim do ano as melhorias no aeroporto, como a modernização do sistema de iluminação e de segurança da pista. Outros investimentos envolvem a pista de taxiamento, o terminal e a instalação do raio-X.

Nenhum comentário:

Postar um comentário